quarta-feira, 28 de abril de 2010

Guerreiros da Ultima geração VI ( Mapeamento Espiritual - 1)


Mapeamento Espiritual (1)
O termo “mapeamento espiritual” não era tão difundido nos anos 90, mas foi neste período que este entendimento começou a tomar forma entre aqueles que estavam vivendo um profundo avivamento em suas vidas quando estavam intercedendo pela suas cidades e bairros para que o evangelho pudesse penetrar os corações dos perdidos.
Lembro-me quando jovem, tínhamos um grupo que intercedia na igreja antes de sairmos às ruas para evangelizar. Este período que antecedia o evangelismo era muito aguardado por todos nós que estávamos ali, pois era nestes momentos de oração que Deus falava profundamente aos nossos corações e revelando seus mistérios a respeito do que precisaríamos fazer ao evangelizar.
Para nós tudo parecia novo, cada palavra profética dada por Deus nos encorajava a irmos com mais ousadia e fé para o evangelismo, que acontecia aos sábados por volta das 23:00, onde nosso alvo eram jovens que saiam a noite para as baladas e não era raro aguardarmos na saída das baladas para evangelizarmos estes jovens.
Mas o que tem haver o mapeamento espiritual com este evangelismo?
Simples. Quando estávamos orando antes de sairmos para o evangelismo Deus já nos orientava a orar contra os espíritos malignos que encontraríamos na rua.
Certa vez paramos enfrente a uma casa de umbanda, quando estes estavam a chamar a entidade para se manifestar usando o famoso sininho. Começamos a interceder naquele momento pedindo que Deus enviasse seus anjos e impedisse que aquele demônio se manifestasse. Deu certo porque a cessão acabou. Pois naquele dia as pessoas saíram mais cedo que eram acostumadas.
Falava-se muito em batalha espiritual, o livro de Frank E. Peretti “este mundo tenebroso” era como um manual para nós; era o assunto do momento, volta e meia estávamos falando das batalhas travadas entre os anjos e os demônios relatados no livro. Isto nos instigou a querer saber mais sobre o assunto, e começamos a compreender a realidade do mundo espiritual e o que era preciso fazer para obtermos resultados diante desta batalha que estávamos travando para conquistar aqueles jovens através do evangelismo.
De lá para cá, Deus vem trazendo profundas revelações nos níveis de batalhas espirituais que enfrentamos em nossas vidas, ministérios e igrejas. É certo que a batalha existe, não podemos negar este fato de que a nossa batalha não é contra a carne e sangue, mas nas regiões celestiais contra principados e potestades; dominadores deste mundo tenebroso e forças espirituais do mal (Ef. 6:12).
Até ai tudo certo. A batalha existe. Mas será que devemos entramos em uma guerra sem conhecer o que nos espera no campo de batalha?
Vejamos o que Jesus Falou: Se um rei que tem dez mil soldados vai partir para combater outro que vem contra ele com vinte mil, ele se senta primeiro e vê se está bastante forte para enfrentar o outro (Lucas 14:31).
Outro texto que me chama atenção é de uma das tribos de Israel: - E dos filhos de Issacar, duzentos de seus chefes, “destros na ciência dos tempos, para saberem o que Israel devia fazer”, e todos os seus irmãos seguiam suas ordens. (I Crônicas 12:32).
Estes textos retratam uma realidade necessária em uma batalha, ou seja, precisamos saber quem é o inimigo, onde ele está, qual é sua força e o que precisamos fazer para saqueá-lo (Lucas 11:22) - Mas, sobrevindo outro mais valente do que ele, e vencendo-o, tira-lhe toda a sua armadura em que confiava, e reparte os seus despojos.
Tenho observados muitos guerreiros se habilitando para a guerra, mas não podemos entrar em uma guerra sem o devido conhecimento do que enfrentaremos na batalha. Por isso é importante o mapeamento, se a nossa luta é espiritual o mapeamento tem que ser espiritual.
O que é mapear? É na verdade levantar dados sobre uma determinada região, colocar de forma diminuída sua realidade.
Mapear espiritualmente é identificar as estruturas e fortalezas espirituais de um determinado local.
Mapear é tarefa da “inteligência da guerra”.
Qual a importância do mapeamento espiritual? Mostra quem de fato é o inimigo e onde ele está bem como estratégias precisas para a batalha espiritual.
Um texto clássico sobre mapeamento está em Números 13, quando Deus ordena Moisés a enviar 12 príncipes das tribos de Israel a espiarem a terra que ele havia dado aos filhos de Israel. A terra era deles, mas tinham que batalhar para conquistá-la, e antes ainda tinham que espiar a terra, averiguar a realidade daquela terra, ou seja, mapeá-la para saber contra quem eles teriam que lutar.
Concluindo deixo o texto de Eclesiastes 10:10 – Se o machado esta cego e sua lâmina não foi afiada, é preciso golpear com mais força; agir com sabedoria assegura o sucesso – NVI.
Batalharmos com discernimento facilitará nossa tarefa.
José Carlos, pr

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário